Descubra de uma vez o que são as fintechs

O setor da economia é um dos mais dinâmicos da sociedade e sempre está apresentando novas soluções e inovações para os mais diversos tipos de problemas. Uma das últimas grandes novidades lançadas na economia foram as startups chamadas de fintechs. O nome fintech tem origem a partir da junção de duas palavras do inglês: financial e technology. Ou seja, essas startups estão focadas nas soluções de problemas financeiros por meio do uso maciço de tecnologia.

Um dos principais objetivos desse segmento está diretamente relacionado aos serviços que já são oferecidos em instituições financeiras tradicionais, como os bancos. Dessa forma, a finalidade é oferecer tais serviços com mais agilidade e praticida,de, soluções e respostas mais rápidas sem que o cliente precise sair da sua casa, enfrentar filas, agendar horários ou ter que lidar com burocracia. Com a regulamentação do setor por parte do Banco Central, ainda em 2018, a tendência é que as fintechs continuem ganhando cada vez mais espaço.

O que é exatamente uma fintech?

Em termos gerais, como já destacado acima, as fintechs podem ser encaradas como as empresas que disponibilizam serviços na área financeira levando em consideração as facilidades e praticidades que o uso da tecnologia pode proporcionar. Dessa forma, para que seja considerada uma fintech é necessário que a empresa disponha de um suporte tecnológico que abrange todas as suas áreas de atuação bem como possuir um modelo de negócio extremamente escalável.

Com isso, os serviços oferecidos por uma fintech devem estar recheados de soluções tecnológicas por trás deles. Outro principal ponto que distingue uma fintech de instituições financeiras tradicionais são as constantes atualizações e novos modelos de soluções dos problemas por meio de novos recursos tecnológicos. Um exemplo simples é o combate a fraudes e ataques cibernéticos, por exemplo. A segurança digital deve ser outra forte característica da fintech, pois o cliente deve sentir-se seguro ao utilizar os serviços em uma plataforma online.

Alguns dos conceitos de tecnologia mais atuais e eficientes estão presentes na estrutura de toda fintech. Ou seja, tendências como armazenamento em nuvem, Big Data, Machine Learning e Inteligência Artificial são algumas das ferramentas utilizadas para garantir as melhores soluções.

Diferenciais das fintechs

O principal foco de uma fintech deve ser o uso eficaz das melhores ferramentas tecnológicas da atualidade. A disponibilização de todos os seus serviços e ferramentas pelas plataformas virtuais foi um dos diferenciais que popularizou essas instituições. Além disso, a fintech busca não ficar sobrecarregada com uma grande quantidade de serviços. Portanto, a especialização em nichos de mercados é outro diferencial. Isso permite com que a empresa possa concentrar suas soluções em áreas especificas de forma a atender o usuário de maneira mais prática e no menor tempo possível.

Inovações constantes, novas soluções para serviços já existentes, maior interatividade com o cliente e otimização de resultados também são fatores importantes que colaboram com o crescimento das fintechs no mercado das finanças.

Como elas podem ajudar nos investimentos?

Um dos principais nichos adotados pelas fintechs e que vem crescendo bastante no Brasil é a disponibilização de crédito, ou seja, a oferta de empréstimos. Em geral, esse crédito é tomado por pessoas físicas sendo que o investimento que dá origem a esse crédito também é feito por outras pessoas. Ou seja, são os chamados empréstimos entre pessoas físicas. Essa modalidade de crédito se destaca devido aos juros e taxas mais baixas do que aquilo que é praticado em instituições financeiras tradicionais, além de menos burocracia e possibilidade de solicitar um empréstimo pelo smartphone, por exemplo.

Essa é uma forma bastante interessante de impulsionar investimentos e trazer mais dinheiro para movimentar a economia. As vantagens são para os dois lados, tanto para os tomadores de crédito quanto para quem está disponibilizando o dinheiro. Enquanto os tomadores têm acesso ao crédito com menores taxas de juros, quem empresta tem a possibilidade de investir o seu dinheiro em uma modalidade rentável e que permite reinvestimento com excelentes taxas de retorno.

Bullla

O Bullla é uma SEP (Sociedade de Empréstimo entre Pessoas) que atua na área de empréstimo online entre pessoas físicas. Todas as características que compõem uma fintech de qualidade estão presentes no Bullla: serviços oferecidos de forma rápida, prática e segura; as melhores taxas praticadas no mercado.

A transparência desde a solicitação do empréstimo até a liberação do crédito garante que o tomador de crédito e quem empresta fiquem satisfeitos durante todo o processo. Quem precisa de crédito conseguirá o dinheiro de forma simples e rápida e com as melhores taxas de juros praticadas no mercado, além de excelentes formas de pagamento. Por outro lado, o poupador que possui capital em mãos e está me busca das melhores taxas de retorno para o seu investimento também poderá contar com todo o suporte do Bullla.

Mais detalhes podem ser encontrados aqui.