Empréstimo entre pessoas físicas: qual a responsabilidade de cada parte?

O empréstimo online é uma via de mão dupla, ou seja, tanto o tomador quanto o investidor assumem responsabilidades.

O crescimento e a popularização do empréstimo online entre pessoas físicas é uma consequência direta das vantagens que essa modalidade de crédito oferece. Você já conhecia esse tipo de crédito antes de ler esse post? Se a resposta for não, então chegou a hora de saber o motivo pelo qual esse tipo de crédito está se tornando tão importante no mercado e quais são as responsabilidades de quem está envolvido nesse tipo de transação.

O empréstimo online entre pessoas conta com diversas vantagens, dentre as quais:

  • É oferecido totalmente online, sendo assim, você não precisa sequer sair de casa para conseguir o seu crédito;
  • Não possui burocracias como um processo de análise de crédito complexo que ninguém entende ao certo como funciona;
  • Taxas de juros mais justas;
  • Maior flexibilidade nas formas de pagamentos o que permite o tomador de crédito quitar sua dívida sem maiores problemas;
  • Retornos mais justos para quem investe nesse mercado disponibilizando o dinheiro para o tomador.

Como todas essas vantagens são possíveis?

É muito simples: o empréstimo online é uma via de mão dupla, ou seja, tanto o tomador quanto o investidor assumem responsabilidades. Ou seja, o processo é mais transparente, o contato entre quem está emprestando e quem está tomando emprestado é direto. Isso mesmo que você pensou, na hora de pedir o seu empréstimo você irá lidar pessoalmente com quem está emprestando e não com uma instituição com normas, regras e taxas fixadas.

Você terá a oportunidade de negociar diretamente com o Bom Poupador e definir os melhores termos, tanto para conseguir o dinheiro como para pagar o empréstimo em dia.

Qual a responsabilidade do investidor?

Para entender melhor como funciona o empréstimo entre pessoas físicas é preciso compreender qual o papel do investidor e do tomador de crédito. A principal responsabilidade do Bom Poupador será a disponibilização do crédito para que a operação seja concluída.

O que isso significa na prática? Sempre que um Bom Pagador solicitar um crédito caberá ao Bom Poupador disponibilizar o dinheiro para que o empréstimo seja realizado.

Outra grande responsabilidade do investidor será assumir o risco de crédito do empréstimo. Como esta é uma transação de gente para gente, com apenas o intermédio de uma fintech que conecta o Bom Poupador e Bom Pagador por meio de uma plataforma, então, todo o risco em relação à inadimplência será do investidor. Mas, isso deve ser uma preocupação para quem está emprestando? Claro que não! A taxa de inadimplência nas fintechs é bastante baixa e o investidor terá acesso a todas as informações e ao perfil de quem está pedindo emprestado para decidir se faz o investimento ou não.

Qual a responsabilidade do Bom Pagador?

Como o tomador é a pessoa que vai solicitar o crédito, então, uma de suas responsabilidades fundamentais é fornecer dados precisos e informações verdadeiras que vão compor o seu perfil na plataforma. O empréstimo depende desses dados? Claro que sim! Sem acesso às informações sobre o tomador e o seu comportamento no mercado, o investidor não se sentirá seguro para disponibilizar o dinheiro. Por isso, capriche nas informações e forneça dados reais para aumentar as suas chances de conseguir o crédito.

A principal responsabilidade é o pagamento da dívida referente à quitação do crédito. Serei recompensado se pagar meu empréstimo em dia? Certamente, pois bons pagadores significam menores riscos de investimentos, ou seja, um Bom Poupador sempre estará disposto a emprestar dinheiro sabendo que você paga em dia.

O não pagamento do empréstimo, além de trazer malefícios à própria pessoa (nome sujo, perda de acesso ao crédito com taxas menores, etc.), prejudica o Bom Poupador, que emprestou o dinheiro confiando na quitação da dívida. Também atrapalha outras pessoas que querem empréstimo com juros mais baixos, pois a comunidade financeira existe porque todos devem pagar em dia, proporcionando confiança ao investidor que, acreditando na pessoa, empresta o dinheiro de forma mais barata.

Taxas mais baixas

O Bullla é uma fintech do setor financeiro digital que atua conectando pessoas por meio do empréstimo online entre pessoas físicas. Taxas de juros mais baixas, serviço sem quaisquer tipos de burocracia e processo mais transparente são algumas das vantagens do Bullla. Aqui, o Bom Pagador também é beneficiado por meio do sistema de nota de crédito que identifica bons pagadores. Quanto melhor for a nota de crédito, mais fácil será conseguir um empréstimo com taxa de juros ainda menor que o normal. Clique aqui para entrar em contato.